BLOG

Dormir e sonhar são essenciais

22 de dezembro de 2017

Por: Giulia Beatrice

 

            Já é comum saber que uma boa noite de sono é essencial para o corpo humano se desenvolver na infância e adolescência, para descansar e também conseguir atingir o máximo do potencial do raciocínio em qualquer idade.

 

            Existe uma parte importante do processo do sono, que é parte que sonhamos, o chamado sono REM. Olha só como é o processo todo:

 

1º estágio: Sono leve. Acontecem algumas contrações musculares.

 

2º estágio: a respiração e as batidas do coração diminuem. Leve redução da temperatura do corpo.

 

3º estágio: Começa o sono profundo. O cérebro começa a gerar as ondas delta (alta amplitude, baixa frequência: 3 ondas por segundo)

 

4º estágio:  Sono bastante profundo. Respiração rítmica muscular limitada. O cérebro produz ondas delta.

 

5º estágio:  Movimento rápido dos olhos. As ondas cerebrais se aceleram e o sonho acontece. Os músculos relaxam e a taxa de batimentos cardíacos aumenta. A respiração é rápida e não mais profunda.

 

 

            O sono REM foi identificado biologicamente em 1950 e, assim, foi também reconhecido biologicamente o sonho. O sono REM e o sono profundo alternam-se durante a noite, e quanto mais perto da hora de acordar, mais longo torna-se o sono REM, para que a pessoa acorde bem.

 

“Hoje sabemos que a reverberação das memórias, que Freud chamava de ‘restos’ do dia, acontece durante o sono profundo. Durante o sono REM, quando os sonhos acontecem, são ativados os genes que promovem a fixação das memórias”, diz a neurocientista Sidarta Ribeiro da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).

 

            Todos nós já ouvimos muitas histórias sobre os significados dos sonhos. Ainda há muito mistério em torno disso desde estudos de Freud, considerado o pai da psicanálise.

 

            Sidarta Ribeiro afirma também que “Na verdade, essas descobertas confirmam aspectos da teoria psicanalítica, como a incorporação dos restos diurnos e o aprendizado, aproximando-a das neurociências.”

 

            E falando da psicanálise, podemos afirmar que temos também bastante estudo para conseguir ler as fantasiosas histórias que acontecem em nossa mente.

 

“O sonho é algo feito para ser esquecido; por isso, raramente lembramos. Por outro lado, aquilo que é esquecido são elementos do nosso inconsciente que de alguma forma tentam voltar. O que a análise faz é convidar a pessoa a tratar desses elementos inconscientes”, diz Tales Ab’Sáber. “A análise não precisa se debruçar sobre os sonhos, só porque ela segue a lógica do sonho.”

 

            Ou seja, a psicanálise se torna um aliado para descobrir medos, emoções e dificuldades do eu interior. A situação torna-se mais fácil de ser transformada em algo consciente/real quando entramos em contato com esse descobrimento emocional, e é bem verdade que existem estudos sobre a relação de cada objeto que a mente traduz essas emoções e, assim, o que cada figura possa vir a significar dentro do contexto.

 

            E como vocês devem imaginar, o ato de dormir e sonhar é também importante para nossos pequenos. Se durante o sono profundo e o sono REM o cérebro reativa as redes neurais que foram usadas durante o dia, e transforma as memórias de curto prazo em longo prazo, vamos combinar, essa é uma parte importantíssima do aprendizado.

 

            Dormir mal significa não só um mau desempenho durante as aulas por conta do cansaço, mas também a presença de uma dificuldade muito maior no raciocínio, lembranças e absorção do conteúdo.  A criança e o adolescente precisam ter tempo necessário durante o sono para fazer as ligações que os ajudem no dia seguinte ou até com alguma situação, medo e dificuldade nessa fase de maior desenvolvimento.

 

            Até uma certa idade temos controle sobre o sono dos filhos e, apesar de ser por vezes uma tarefa difícil, é ainda mais fácil ter esse controle na infância do que na adolescência. Então a dica é: assim que o filho tiver uma idade que você sinta que ele entende melhor questões mais complicadas se você simplificá-las, exemplifique de forma lúdica o quanto o período de sono é importante para essa idade.

 

            Use objetos lúdicos, historinha, vale soltar a imaginação e explicar, resumidamente, sobre a importância do sono e do sonho. E de repente, ele até começa a prestar mais atenção nos próprios sonhos e isso pode virar uma conversa divertida pela manhã.

 

            Os menores precisam ser estimulados a acharem esse momento de dormir também legal e entenderem o motivo disso. Adolescentes que crescem entendendo essa questão podem dar mais valor à hora de dormir ao invés de se sentirem crianças por terem que “ainda” dormir cedo. Muitos adolescentes se recusam a aceitarem que tenham hora para dormir, que precisem ser controlados pelos pais e não entendem que a fase deles é uma das mais importantes também para o desenvolvimento saudável do ser humano.

 

            Por mais que achemos difícil dos filhos entenderem assuntos assim tão complicados, você pode se surpreender com a capacidade que eles possuem de entendimento, se você conduzir o assunto na linguagem que eles tenham no momento que você escolher para lhes contar. Vale tentar! 😉

 

Fonte: Revista Educação

ÚLTIMOS EVENTOS

A relação da TV e a criança

19 de julho de 2018

A relação da TV e a criança

Quanto a televisão influencia seu filho?   Hoje, é muito comum crianças que dizem que não são muito chegadas a brinquedos, que não brincam com frequência, que preferem ver TV, brincar no celular, além de saberem tudo que está na moda. Um tanto assustador, não? Pois isso é mais comum do que você imagina, e […]

LEIA MAIS
Semana do Meio Ambiente | Conscientização

30 de maio de 2018

Semana do Meio Ambiente | Conscientização

• Todos sabemos que existem muitos problemas relacionados ao meio ambiente e também ao ser humano, como desigualdade, pobreza, poluição, desmatamento. Mas o maior problema existente é a não conscientização.   A informação que temos nunca é suficiente para sermos um ponto positivo para o planeta. Por isso, convidamos todos a questionarem, procurarem e compartilharem mais! […]

LEIA MAIS
Vestibular x Escola: como equilibrar?

26 de abril de 2018

Vestibular x Escola: como equilibrar?

Você mal entrou no ensino médio e a pressão de todos os lados já vem “E aí, o que você vai fazer na facul?”, não é? No 3º ano a situação complica ainda mais, e muitas vezes ficamos perdidos nos estudos, no que queremos e como fazemos.   Entendemos você!   A verdade é que […]

LEIA MAIS

NEWSLETTER

Receba nossas news cadastrando seu email

O E-MAIL é obrigatórios. Ocorreu um erro, por favor tente novamente mais tarde. Cadastro realizado com sucesso!

marque uma visita

ou ligue para nós:
(11) 3935-5019